DÊ SUA OPINIÃO - VOCÊ TEM FALADO DE JESUS ÀS PESSOAS?

quinta-feira, 30 de maio de 2013


 UM BOM DISCIPULADOR DEVE OBSERVAR



REFLEXÃO

O novo convertido é como um filho que chega ao seio da família e precisa de cuidados especiais para se adaptar aquela nova fase de vida. Ele vai aprender a crescer em Cristo mediante a orientação da igreja. Precisamos de uma igreja onde as pessoas sintam-se amadas, Num ambiente onde elas serão envolvidas e integradas, onde se sentirão bem-vindas e aceitas. Essa é uma fase que, requer-se do discipulador que tenha uma experiência de vida, idoneidade suficiente para compreender os avanços e os recuos que certamente aparecerão durante o processo de orientação ao recém-convertido.

Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos
Fonte da imagem: vivereverbo.blogspot.com






RECEPÇÃO


Este é um dos pontos principais em que temos um grande percentual de falha. Há um ditado popular que diz “a primeira impressão é a que fica”. Pelo fato de falharmos nesse ponto muitas pessoas tem ignorado a atitude de vários irmãos que não tem sido receptivo na sua maneira de como se relacionar com as pessoas, independente de cor, raça, língua, ou religião é isto tem sido realidade em nosso meio. Praticamente expulsamos um visitante não crente ou um novo convertido, Eles porem acabam não vindo mais a igreja, queridos devemos ser cuidadosos.  O trabalho do ORIENTADOR (A) tem inicio no momento em que um não crente vem participar de um culto, seja simpático a borde a pessoa anote seus dados para apresentá-lo em seguida acomode-o, se por acaso a igreja estiver cheia fale com um irmão para ceder seu lugar, se for novo convertido Fique ao seu lado. Não deixe-o desambientado, sozinho, desorientado. Integre-o no meio social da igreja. Para haver uma boa integração, teremos de agir desde o ato da visita a aceitação, procedendo de uma calorosa recepção, seguindo-se de uma atenção especial visando não deixá-las sozinhos no meio da igreja.

Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos
Fonte da imagem: recepcaocentral.blogspot.com

NO MOMENTO DA DECISÃO

      O participante deve estar consciente que é multiplicador de sua área de trabalho: e portar FICHA DE DECISÃO e demais impressos em todos os trabalhos evangelísticos da igreja. Não espere ser chamado. Vá ao encontro do (a) novo (a) convertido (a) devidamente munido de seu KIT. Obs. No ato da decisão, deve alguém do mesmo sexo e faixa etária acompanhar a pessoa, até o local da oração, Acomode o (a) novo (a) convertido (a) e oriente-o (a).

      Permaneça ao lado do novo (a) convertido (a) até a oração que será feita em seu favor.

     Após a oração, cumprimente-o, olhando nos seus olhos. Em seguida faça uso do KIT, tomar o nome e o endereço e lhe ofereça um panfleto, onde deverá constar o nome de quem o recepcionou e uma breve orientação de sua nova vida em Cristo.


  Antes de despedir-se, informe-o sobre os trabalhos da igreja, convide o novo crente a estar na próxima Escola Dominical e diga que ele irá fazer um curso muito especial e grátis. Fale também quais são os dias e horários de cultos durante a semana. E marque horário para recepcioná-lo. 


Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos

O ENCONTRO SEGUINTE


Esse segundo momento pode ocorrer preferencialmente na casa do novo crente ou na igreja. Nele o professor deverá buscar uma confirmação da sua fé e relembrar aquele momento de sua decisão e completar os dados da ficha de identificação. Dentre eles a data de nascimento e outros. Duas coisas da vida do discipulado que o professor não poderá jamais esquecer: o nome dele e data de nascimento, com o fim de fazer lembrar que ele é importante.

Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos
Fonte da imagem: apostolicanovametropole.webnode.com.br




EM QUALQUER ENCONTRO COM O NOVO CONVERTIDO

·   Não seja importuno, nem pegajoso.
·  Incentive o novo convertido a falar. Fale menos e escute mais.
·  Procure saber de sua satisfação pessoal e de sua família.
·  Pergunte quais as dificuldades que ora enfrenta, demonstrando interesse em ajudá-lo.
· Evite falar mal das pessoas ou de religiões. Dê ênfase a Cristo. Procure respeitá-lo, ser educado e agradável.
· Tenha sempre com você: nome, endereço e telefone do novo convertido que você está discipulando.


Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos
Fonte da imagem: www.campograndeinfo.com.br 



ATENÇÃO ESPECIAL

O contato pessoal efetuado semanalmente faz o novo convertido sentir-se prestigiado pela igreja, chegando a pensar que a mesma está bastante preocupada com ele.

Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos
Fonte da imagem: alcindaleal.blogspot.com 



AMIGO MAIS CHEGADO

O novo crente tem oportunidade de externar coisas que talvez nunca as confiou a ninguém. Com isso ele poderá estar se libertando de um peso muito grande que lhe afligia por toda a vida. Ele pode também estar enfrentando lutas familiares, e precisa desabafar algo e receber conselhos.

Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos       


ALCANCE DA FAMÍLIA DO NOVO CRENTE

Muitas vezes, ao chegarmos na casa do novo crente para ministrarmos o estudo, conseguimos fazê-lo para toda a família. Isso pode resultar em aceitar a Cristo.

 Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos
Fonte da imagem: www.bulevoador.com.br 


AVIVAMENTO MÚTUO

O discipulador passa a ser uma referência para o novo crente ao chegar na igreja, cuja preocupação de integrá-lo entre os irmãos, enseja-lhe o crescimento espiritual de que necessita. Por outro lado, o discipulador estará sempre buscando ao Senhor para poder fazer a obra, que é menos confortável que dar uma aula na Escola Dominical.

Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos
Fonte da imagem: www.rtp.pt



AJUDA MATERIAL

Se não andarmos por onde vive o novo convertido, como poderemos lhe prestar alguma ajuda? Muitas vezes o novo convertido não vem para a igreja por timidez gerada pelo seu estado de pobreza ou mesmo educacional. Precisamos sentir suas reais necessidades, fazendo-o ver que a igreja o ama de verdade. Isto só é possível se sairmos das quatro paredes e fizermos o aconselhamento pessoal.

Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos
Fonte da imagem: www.mensagem.etc.br 


QUALIDADES DO DISCIPULADOR
·      Profunda convicção da chamada.
·      Profundo amor pelas almas.
·      Preparo espiritual.
·      Preparo bíblico.
·      Facilidade de relacionamento.

O discipulador deve ser alguém preparado e vocacionado a lidar com bebês espirituais que precisam ser tratados com amor, disciplina, graça e todas as atenções necessárias a recém-nascidos.

Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos
Fonte da imagem: esperancosarj.blogspot.com 



OS DEZ MANDAMENTOS DO DISCIPULADOR

1.    Orar a Deus. Lc 6.12.
2.    Escolher seus discípulos Lc 6.12-16.
3.    Instruir. MT 10.5-23.
4.    Exortar. MT 10.24-26.
5.    Estimular. MT 10.28-31.
6.    Mostrar as dificuldades de causa. MT 10.34-39.
7.    Mostrar a recompensa. MT. 10.40-42.
8.    Ser exemplar no trabalho. MT. 17.14-21.
9.    Participar de momentos de descontração. Mc 6.30, 31; Jo 2.1-12.
10.    Despedir-se, quando o discípulo está pronto. Mc 16.14-20.

 Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos
 Fonte da imagem: mfcmamonas.no.comunidades.net



VALORIZAR O QUE TEMOS

Buscar coisas novas sem ter acomodado antes as anteriores, isso causa embaraço e consequentes descompassos. Temos um excelente material de orientação ao novo convertido que é a revista do discipulado. O professor precisa valorizá-la, estudar e dominar o seu conteúdo e oferecer aos alunos de forma dinâmica e prazerosa. Ensinar ao novo crente a Palavra de Deus propicia a igreja crescimento espiritual. Essa atitude deve ser desenvolvida por aqueles irmãos que alcançaram um aperfeiçoamento espiritual e estão edificados em Cristo Jesus o Nosso Senhor.

Fonte do texto: Apostila - Discipulado Resgatando a Excelência de Fazer Discípulos
Fonte da imagem: www.velhosabio.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário